--> 5

Tribunal julga caso de violação sexual que envolve os músicos Preto Show e Mids


O juiz Januário José Domingos  dará inicio nesta quinta-feira (14) e sexta-feira (15) à sessão de julgamento e audição das testemunhas e declarantes, envolvendo os músicos Carlos da Cruz Sango Danda “Preto Show” e Manuel Inácio Domingos dos Santos “MIDS” (membro do grupo The Groove) e outros cidadãos envolvidos no caso de agressão sexual a uma rapariga num apartamento situado na zona do Kilamba, em Luanda no ano de 2015.

De acordo com a notificação enviada aos réus a que o Platinaline teve acesso,  o  juiz que responde pela causa  refere que os réus cometeram  dolosamente  um crime de violação puníveis pelo  artigo 393 do código penal.  O documento refere ainda que o crime aconteceu no apartamento da compradora  Maria Natália Hipólito Dias dos Santos.

“Contra os réus militam as circunstâncias 1 (premeditação), 7 (ter sido o crime pactuado por várias pessoas), 10 (ter sido o crime cometido com  desprezo e desrespeito ao sexo), todas do artigo 34 do Código Penal”, informa o documento judicial, documento datado de 23 de Novembro do presente ano,  em que o magistrado  determina que mantém “a medida de coação pessoal  estabelecida nos autos por se revelar adequada aos réus”.

 O juiz concluiu que o julgamento acontecerá nos dias 14 e 15, a partir das 9 horas, caso não haja recurso ao presente despacho.

 O Platinaline procurou o músico Preto Show e os seus representantes e ambos apenas confirmaram o facto, tendo, no entanto, recusado se pronunciar antes do julgamento, prometendo, desta feita, fazê-lo amanhã sexta-feira, após a última sessão de julgamento.



Fonte: Platinaline



PARTILHE:

AUTOR DA POSTAGEM

Jovem estudante, sonhador, CEO e fundador da Vicente News.

CONTEÚDOS RECENTES

COMENTÁRIOS

0 comentários:

Postar um comentário

Copyright © 2013 - 2017 Vicente-news.com Todos Direitos Reservados - Angola
Editado por: Vicente Brás Zau